quarta-feira, 25 de outubro de 2017

Entrevista com o guitartech Joseph Raul

Entrevista da semana é com o guitartech Joseph Raul, aluno do módulo intermediário de construção. Joseph trabalha com várias bandas: Far From Alaska e Plutão Já Foi Planeta entre outros.


1- Porque resolveu fazer um curso de luthieria?
Resolvi pra evoluir profissionalmente, não ser só "roadie" e também guitar tech. Fora a grana que posso ganhar nos dias que não tem show. Fazer regulagens, reparos e até construir instrumentos.

2- Como o curso te ajudou na estrada, como roadie?
Ajudou na confiança e na segurança. Fico mais tranquilo se der alguma merda - porque tenho mais conhecimento do instrumento. Fora que as bandas confiam mais ainda no nosso trampo.

3- Recomenda o curso para outros profissionais?
 Recomento total! Principalmente fazer as aulas com o professor Claudinho

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Entrevista com Leon Luthier


A entrevista desta semana é com nosso ex aluno Leon. Ele é baixista do Hateen e possui uma oficina na Av. Nova Cantareira, 330 - sala 02 Metrô Jardim São Paulo , na Zona Norte. No Facebook: Leon Luthier Além de ser um excelente profissional e músico, Leon é um cara muito gente boa. E desde os tempos de estudante da B&H, muito focado na profissão. 

1- Porque o interessou na luthieria? Me interessei em luthieria por insatisfação causada nas manutenções - que eram feitas em meus instrumentos, na época em que estudava. Eu pegava o instrumento e percebia que muito ainda poderia ser feito. Cansado disso e somando os custos, decidi aprender porque achava que deveria ser um músico completo. Com tempo desencanei dos estudos e foquei só na luthieria.

2- Como foi estudar na B&H Luthieria?
Estudar na B&H pra mim foi o foguete que me levou a lua. Tive a indicação do Henry Ho para trabalhar na Tagima. E tive sorte trabalhando em um setor muito bom, onde conheci ótimos profissionais. E trabalhei na fábrica que era um sonho para quem ingressava na profissão. Depois de alguns anos, fui para Equipo - fui chefe de luthieria. Hoje vivo somente da minha oficina.

3- Como é sua vida profissional?
Vivo muito bem, graças a Deus. Melhor que se tivesse um emprego como antes. Consigo investir e ter retorno. Tenho uma carteira de fiéis clientes e artistas. Atualmente investi em máquinario e estou iniciando minhas construções com marca própria. Como a demanda de setup é muito grande e trabalho sozinho, construção é feita apenas para alguns pedidos ou réplicas especificas.

Oficina do Leon sempre muito requisitada
Leon e Marcão ( A Banca)

terça-feira, 22 de agosto de 2017

Entrevista João Pedro P. Brandão da JPM Guitar Shop

Esta semana, a entrevista é com nosso aluno João Pedro Pereira Brandão. João terminou o módulo básico e o intermediário. E segue no curso fazendo o curso avançado.

1- Porque resolveu fazer o curso de luthieria?
 Queria eu mesmo fazer minhas regulagens e setups. Estava insatisfeito com o serviço dos luthiers que conhecia. Queria aprender mais sobre as guitarras, baixos e violões.

2- Como o curso te ajudou nos seus instrumentos?
Os professores do curso me ensinaram a mexer nos instrumentos (tensor, parte elétrica, trastes, ponte, etc), tiraram varias dúvidas que sempre tive. Queria regular de tudo e além disso, ao fazer o modulo de construção - você acaba aprendendo como é a estrutura de uma guitarra. E como este instrumento funciona, o que facilita o trabalho de regulagem em geral.

3- Fale de sua empresa que tem muito a ver com luthieria.
Percebi que o mercado brasileiro estava muito carente de componentes. Peças de parte elétrica de qualidade indiscutível: potenciômetros, capacitores, chaves, fios, etc. Nunca conseguia encontrar esses materiais e sempre tinha que importar algo das lojas americanas. Dai resolvi estudar o mercado e abrir uma importadora. Agora somos os distribuidores exclusivos no Brasil da marca Emerson Custom - uma das melhores em componentes de parte elétrica do mercado.
 http://www.jpmguitarshop.com.br/


segunda-feira, 14 de agosto de 2017

Gustavo Thomas

Olá amigos, toda semana vamos fazer uma mini entrevista. A ideia é mostrar como estão nossos alunos, ex alunos e professores. Para os interessados no curso, será um excelente referencial.  Nossa primeira vítima: Gustavo Thomas - que é nosso professor do curso de eletrônica e aluno formado no módulo básico de luthieria. Em breve, iniciará o módulo intermediário de construção de instrumentos.
Gustavo é baixista e tem uma marca de pedais chamada: Deltavo
Entrevista:

1- Como começou com a eletrônica?
Tive influência do meu pai. Fiz um amplificador e um pedal. Logo iniciei um curso de técnico de eletrônica.
2 - Como é o dia-a-dia, de um técnico de eletrônica?
Não é fácil. Todo dia aprende se de tudo um pouco. É necessário se atualizar sempre. Mas é gratificante, principalmente quanto tudo funciona perfeitamente (rs).
3 - O que achou do curso básico de luthieria?
O curso foi interessante e esclarecedor. Há muita informação na internet, livros e outros, mas nada supera ter um professor a disposição.
4 - E quais as expectativas de somar a luthieria com os conhecimentos de eletrônica?
As expectativas são as melhores. É ótimo poder fazer o que gosta e tirar o sustento também da luthieria. Trabalhar com o que gosta é uma grande recompensa.
5- Como funciona seu curso na B&H Luthieria?
Vou deixar o link aqui para os interessados. tem todas as informações e basta ligar para a galera. Muito obrigado!
link: https://bh-luthieria.blogspot.com.br/p/curso-basico-de-eletronica.html




quinta-feira, 20 de julho de 2017

VAGAS ABERTAS para Curso Básico de Eletrônica e Montagem de Pedais de Efeitos

NOVAS VAGAS para o Curso Básico de Eletrônica e Montagem de Pedais de Efeitos
Turmas para as QUARTAS FEIRAS - 18:30HS-20HS
e aos SÁBADOS:
9:00 - 10:30HS
10:30HS - 12:00HS
INFO (11) 5083 1560







quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

2017! Ano novo com turmas novas!!!


Fala galera! Como foram suas comemorações de novo ano? Esperamos que tenham sido renovadoras!
Aliás, a escola está aberta novamente desde o início do ano e, já que o lance é "renovar", por que não começar o ano renovando os conhecimentos?

Aqui estão os dias e horários em formação disponíveis para turmas do Módulo Básico!

Próximas Turmas em formação:

Terças feira das 14:00 às 15:30hs
Quintas feira das 18:30 às 20:00hs
Sextas feiras 18:30 às 20:00hs
Sábados 9:00 às 10:30hs


Mas se você já foi aluno, ou finalizou o módulo Básico, entre em contato conosco para iniciar o módulo Intermediário e venha construir sua guitarra ou contrabaixo!!!

Dúvidas? Ligue (11) 5083 1560

sábado, 24 de dezembro de 2016

Boas Festas!



Estamos oficialmente de férias, voltaremos as aulas dia 05/01/2017. Gostaríamos de agradecer a todos os alunos, ex-alunos, professores, funcionários e amigos de maneira geral. 2016 foi um ano difícil para todos e não foi diferente para nós. Agradecemos por compartilharem as postagens e por prestigiar nossa escola. Para os alunos que fazem o acerto da mensalidade depois do dia 25/12 - peço a gentileza que nos avisem pelo email: hh777@bol.com.br E não ficamos apenas na luthieria. A escola é um lugar que vocês todos gostam de frequentar e passar horas batendo papo também! Não conversamos apenas de guitarras, madeiras, colagens, guitarristas, baixistas e música...falamos também de política, religião, ateísmo, futebol, culinária e assuntos que ninguém imaginaria. Novamente obrigado a todos! O Lasanha estará aqui mas oficialmente está de férias. Ele está sendo bem cuidado e alimentado. Boas Festas a Todos!

quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Curso Básico de Eletrônica e Montagem de Pedais

Olha só galera, ultima vaga para turma do curso de eletrônica para este sábado das 9:00-10:30hs. Sim, acordar sábado cedo é fxxx, ainda mais, depois da baladinha de sexta feira. Mas fxxx mesmo é ver a black friday com tantos preços fxxx e fxxx (foda e fake) né? Bora montar seu tube screamer por um preço TRUE e de quebra aprender eletrônica, aprender a fazer pedais e de novo...de quebra, arrumar os pedais "quebrados"??? Liga lá: (11) 5083 1560 - apenas uma vaga para este sábado das 10:30-12:00hs



quinta-feira, 17 de novembro de 2016

Nova Parceria com a B&H Luthieria - AudioFusion: Bureau

Olá galera, fechamos mais uma parceria com outro estúdio bem legals! o Audiofusion: Bureau
https://www.facebook.com/AudioFusionBureau/

Galera da BH Luthieria tem desconto na hora de ensaio/gravação e mais 10% de desconto no bar! E a galera que é cliente do Bureau ganha desconto nas oficinas do Marcio Benedetti e Henry Ho. Alunos da BH, digam que são alunos e citem qual turma e qual professor!

Procurando estúdio para ensaiar e gravar na Zona Leste? Ou então algum espaço para fazer o lançamento do seu disco, clipe ou fazer a gravação de um ensaio ou pocket show? Só colar! O primeiro estúdio da ZL onde a banda pode ensaiar, gravar e ainda chamar os amigos para curtir seu ensaio acompanhado de cervejas artesanais e mega hamburgers fera!

Nossa sala de ensaio tem conta com Peavey, Orange, Laney, batera Mapex, diversos microfones e sistema para gravação e transmissão do ensaios abertos. Temos também instrumentos para locação! O estúdio funciona 24h mediante agendamento prévio. (consulte nas informações da página o horário de funcionamento do bar). Para agendar, mande mensagem na página ou entre em contato no cel.: 98721-1131


terça-feira, 15 de novembro de 2016

MALAGOLI CAPTADORES


Hoje vamos contar um pouco da história de nossa parceira, a Malagoli Captadores - empresa que está conosco desde 2004. A Malagoli também nos fornece os KITs de matéria-prima (bobinas, imãs, fios, pólos e outros) , para as aulas do nível básico. E fornece captadores com preço diferenciado para nossos alunos e professores. Malagoli Os anos 60 foram marcados pela inovação no campo da música. Grandes sucessos surgiram nessa época de revolução, como the Beatles, Rolling Stones, The Yardbirds, The Byrds, The Animals, Bob Dylan, The Doors, Jimi Hendrix, The Who, Janis Joplin, Eric Clapton, etc. No Brasil, essas bandas influenciaram muitos músicos que começaram a historia do Rock Nacional. O destaque ficava por conta de Os Incríveis, Made in Brazil, The Jet Blacks, Mutantes, etc. Um grande berço no Brasil se situava no bairro da Pompéia, de onde saíram a maior parte das bandas citadas acima, mas falaremos de uma em especial... The Thicks

Composta por 4 garotos do próprio bairro da Pompéia, dois destes integrantes, Carlos e José Malagoli (guitarristas da banda), por dificuldade, acabaram por fazer eles próprios na marcenaria do pai, Mario Malagoli, seus próprios instrumentos, “do zero”. Eram instrumentos 100% artesanais, incluindo as pontes e os captadores. Com a primeira guitarra, os dois irmãos puderam finalmente montar uma banda com mais 2 amigos. No primeiro ensaio, trocaram a guitarra por um amplificador. Em seguida construíram outra, que também trocaram. Com a dificuldade para encontrar instrumentos no mercado, logo eles viram a oportunidade de vender os instrumentos fabricados a outros jovens músicos o que, com o aumento da demanda, fez com que fundassem junto com outros dois irmãos, Duílio e Geraldo, a empresa MALAGOLI, em 1965. A marcenaria, especializada em móveis de estilo, passou a ser também uma fábrica de guitarras, baixos e amplificadores, sempre usando a marca SOUND. De início, os captadores eram fornecidos pela empresa do lendário “seu” Vitório, famoso no ramo por seu pioneirismo na construção dessas peças, cuja empresa, Capsom, ficava no mesmo bairro. Porém, como esta empresa de Captadores fornecia também para vários fabricantes de guitarra, entre eles Giannini, Phelpa, Rei dos Violões, etc, o fornecimento das peças não era constante, o que levou os irmãos a desenvolver e produzir seus próprios captadores para uso em seus instrumentos e também para fornecer a outros fabricantes de instrumentos. ​ Com o passar dos anos e o fechamento da Capsom, a Malagoli acaba por se dedicar a pedais e captadores, deixando de lado a fabricação de instrumentos (guitarra e baixo) e amplificadores. A banda infelizmente acabou por conta do comprometimento dos irmãos à empresa, mas a SOUND se tornou referência no mercado, tanto com os captadores quanto com os pedais. Os captadores passam a ser o produto principal da empresa nos anos 80, quando os pedais deixaram de ser fabricados. Em 2004, Érico Malagoli (filho de Carlos Malagoli) assumiu a tarefa de desenvolver captadores totalmente novos. Estes novos modelos deveriam “romper com o passado” de produtos populares da empresa e levá-los a outro status: O de captadores de alta qualidade, similar às melhores empresas americanas, como Seymour Duncan, Di Marzio, Fender e Gibson. Assim, com a assessoria de Leonel Ponzo A. Garcia, um guitarrista amigo da família e mais tarde, em parceria com Henry Ho (luthier) e Seizi Tagima (então responsável pelos produtos Tagima), a Malagoli lançou, no final de 2004, sua renovada linha de Singles, seguida pelos novos modelos de humbucker, no meio de 2005. A marca passa a ser Sound Captadores, que posteriormente virou Sound Captadores (by Malagoli). ​ Em 2007, veio a linha Custom Shop e, no começo de 2009, é lançada uma linha totalmente revolucionária de single-coil, de nome MULTI-SINGLES, composta principalmente de captadores multi-bobinas (patente da empresa). Na mesma época, a marca Malagoli Captadores é adotada definitivamente e muitos outros modelos de captadores foram agregados à linha de produtos da empresa. E não para aí, pois a evolução é constante, sempre em busca de inovação e de novas opções de modelos. Sem nunca, em hipótese alguma, abrir mão da qualidade, pois essa é a nossa obsessão. Hoje, nossos produtos são referência nacional e a Malagoli, a maior empresa de captadores da América Latina.
SITE DA EMPRESA
LOJA VIRTUAL